Futuro do Reiki

Futuro do Reiki

O futuro do Reiki na sociedade

Neste tempo de mudança muitas vezes questiono o que será o futuro do Reiki? Essa pergunta só existe, pois, vejo tantas modificações e alterações nesta bela “filosofia” que leva à seguinte questão. Conseguiremos ser reconhecidos como uma terapia complementar válida nos próximos dez anos? Seremos reconhecidos pela ciência médica?

Mesmo sendo um mestre de Reiki com doze anos de experiência não observo na minha perspetiva o reconhecimento que tanto ambicionamos. Tudo isto, devido ao Reiki ser classificado como somente uma terapia complementar da saúde, pois temos somente algumas ferramentas eficazes para tratar as doenças de origem físicas, e estamos limitados a ser reconhecidos como uma terapia de apoio a alguns casos de doenças. Depois não temos o reconhecimento como religião, pois não temos a estrutura hierárquica necessária para ser reconhecida. E no final não somos uma filosofia, pois as técnicas e posturas são uma mistura de ambas. Então levamos a questão final. Seremos nós praticantes de Reiki capazes de separar o que nos foi ensinado e apostar o Reiki somente numa das vertentes? Seria como pegássemos partes do Reiki e dizemos “isto é válido” e outras parte “isto não é válido”, e descartávamos, pois, sabemos que não seria reconhecido pela sociedade científica.

Muitas vezes quando ensino o Reiki aos meus alunos sinto que diversas matérias que explico sinto identificado, parece que estou em ligação completa a uma terapia complementar de saúde. Quando falamos das doenças e as suas origens, nas quais muitas são de origem psicossomáticas e podem manifestar-se no corpo como doenças. Outras matérias já me sinto a falar como um terapeuta energético ou de fé, ou seja, quando falamos das posições de cura de alguém somente preciso colocar as mãos sobre o corpo para que essa energia flua e cure as doenças que incomodam a pessoa, ou dos guias de reiki. Outras vezes quando explico as leis universais, os princípios do Reiki parece-me como uma filosofia de apoio ao bem-estar. Compreende agora a dificuldade de definir o Reiki como uma terapia complementar à saúde?

Por isso “adivinho” um caminho incerto para tentar “encostar” o Reiki em alguma destas terapias, e chamar ao Reiki uma terapêutica de bem-estar, também não está certo. Sendo assim considero do meu ponto de vista o Reiki como uma mistura de todas (terapêutica, filosófica e religiosa) e dessa mistura é que sai diversas técnicas de apoio ao bem-estar, incluídas as vertentes espirituais e filosóficas. Termino deixando em consideração a todos os profissionais de Reiki, que procuram ansiosamente o reconhecimento por parte da ciência médica. Que estejam preparados para uma grande caminhada com um futuro incerto, e se entendemos o Reiki como uma qualidade de vida melhor, então não precisamos de nenhum reconhecimento por parte da sociedade científica. Os milhões de praticantes são a prova testemunhal que esta filosofia, espiritualidade e terapia de apoio funciona, e a partir daí nada mais importa.  Sinto agora o Reiki como terapia mais livre e pronto a utilizar a cada dia que passa, para o meu crescimento interior.

 

 

Morada da Sede

Rua do Xisto, n.º 150 . 4475-509 Maia
Tel: 229 607 021
Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Horário: De 2.º a 6.º Feira das 10:00h às 18:30h

Livro de Reclamações

Licenças e Certidões

Entidade Reguladora da Saúde

Licença de Funcionamento 20247/2021
Certidão de Registo E152912